COLUNA TEXTOS VIDA IMAGENS RECADOS

Síndicos saíram satisfeitos da reunião do condomínio

Os relatos da primeira reunião do condomínio não deixam perceber em que dados o ministro Paulo Haddad se baseou para dizer que saiu do encontro com os presidentes de partidos com a convicção de que há agora 90% de possibilidades de aprovação do ajuste fiscal. É verdade que o presidente do PSDB, Tasso Jereissati, afirmou no final do encontro que todos os partidos se comprometeram a aprovar em curto prazo os projetos prioritários do governo, inclusive o do ajuste fiscal, "mesmo com algumas mudanças".

O ministro do Planejamento certamente estará contando com essas mudanças e previamente de acordo com elas. Deve conhecer quais os pontos que serão mexidos e preparado quando nada para uma negociação que viabilize um acordo. O fato, porém, é que as objeções não cessaram e mesmo no PSDB persiste a oposição do líder José Serra aos principais itens do projeto do ajuste. Um dos projetos, vindo do tempo do ministro Marcílio, e resultante de entendimento com autoridades financeiras [...]
10/01/1993

"Vou dormir um pouquinho, porque amanhã eu vou ser preso."
declaração de Castello Branco ao tomar conhecimento da edição do AI5 em 13 de dezembro de 68

Carlos Castello Branco, o repórter do Brasil
Texto de Zózimo Tavares

"O Piauí teve, sim, outros expoentes, mas foi Carlos Castello Branco, o menino da Rua da Glória, a nossa glória maior”

Durante mais de meio século, ele foi o repórter político do Brasil. Um repórter que soube interpretar o país, na agonia de duas ditaduras e na esperança de duas redemocratizações; no suicídio de um presidente da República (Getúlio Vargas), na renúncia de outro (Jânio Quadros), na deposição de mais um (João Goulart) pelas armas e no impeachment de outro (Fernando Collor) pelas armações. [+]

Ao metre
Texto de Merval Pereira

No dia 25, o jornalista Carlos Castello Branco, uma espécie de patrono dos colunistas políticos brasileiros, o maior entre nós todos, teria feito 90 anos. Reproduzo aqui trechos do prefácio que escrevi para a reedição de seu livro clássico “Os militares no poder”, da Editora Record. E adianto que brevemente estarei lançando um livro, pela mesma editora, com o título de “O lulismo no poder”, uma homenagem ao mestre. [+]

Na seção TEXTOS você encontra todas as "Colunas do Castello" publicadas diariamente entre os anos de 1963 a 1993, além de entrevistas, discursos e correspondências. [+]

Os fatos narrados de forma precisa, clara e direta.
Desde Jânio Quadros até Fernando Henrique Cardoso.
[+]