COLUNA TEXTOS VIDA IMAGENS RECADOS

Semana rica para a sucessão

Com a visita, ontem, do Vice-Presidente Aureliano Chaves ao Presidente da República — formalmente para antecipar cumprimentos pela passagem do seu aniversário natalício dia 15 —, com a reunião de hoje do PDS, com o retorno do Deputado Paulo Maluf e como início, em Curitiba, da mobilização popular por eleição direta, a sucessão presidencial Abre uma etapa importante que assinalará o período de janeiro a abril.

O PDS limitar-se-á a registrar a desistência da coordenação sucessória por parte do Chefe do Governo e a investir-se obviamente da coordenação. Para tanto necessitará não só da articulação dos candidatos com vistas à manutenção da unidade partidária como dos esforços das suas bancadas e dos seus Governadores para assegurar a perspectiva que se abre ao partido de pela primeira vez escolher um Presidente da República.

O Sr Aureliano Chaves deve ter aproveitado a oportunidade que certamente lhe terá dado o Presidente para examinar o quadro da sucessão e [...]
10/01/1984

Ele parecia muito com as minhas tias velhas lá do Piauí, é o mesmo tipo de cara, mesmo tipo de gente. (sobre o presidente Castelo Branco)

Carlos Castello Branco, o repórter do Brasil
Texto de Zózimo Tavares

"O Piauí teve, sim, outros expoentes, mas foi Carlos Castello Branco, o menino da Rua da Glória, a nossa glória maior”

Durante mais de meio século, ele foi o repórter político do Brasil. Um repórter que soube interpretar o país, na agonia de duas ditaduras e na esperança de duas redemocratizações; no suicídio de um presidente da República (Getúlio Vargas), na renúncia de outro (Jânio Quadros), na deposição de mais um (João Goulart) pelas armas e no impeachment de outro (Fernando Collor) pelas armações. [+]

Ao metre
Texto de Merval Pereira

No dia 25, o jornalista Carlos Castello Branco, uma espécie de patrono dos colunistas políticos brasileiros, o maior entre nós todos, teria feito 90 anos. Reproduzo aqui trechos do prefácio que escrevi para a reedição de seu livro clássico “Os militares no poder”, da Editora Record. E adianto que brevemente estarei lançando um livro, pela mesma editora, com o título de “O lulismo no poder”, uma homenagem ao mestre. [+]

Na seção TEXTOS você encontra todas as "Colunas do Castello" publicadas diariamente entre os anos de 1963 a 1993, além de entrevistas, discursos e correspondências. [+]

Os fatos narrados de forma precisa, clara e direta.
Desde Jânio Quadros até Fernando Henrique Cardoso.
[+]